terça-feira, 23 de agosto de 2011



E não a ninguém que é capaz de entender, o que eu sinto por você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário